Bem vindo ao site da FESERP MG

E-mail:

feserpjf@gmail.com

Visite-nos:

Rua Dona Mariana Evangelista 37/102, Poço Rico, JF/MG CEP: 36010-430

Filiados

Três Corações


27/06/2014

FESERP-MG presta assessoria jurídica em Três Corações

(Três Corações – MG) O assessor jurídico da FESERP-MG Eldbrendo Monteiro esteve recentemente em Três Corações, no Sul de Minas, para orientações e esclarecimentos ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais local. Na próxima segunda-feira (30 de junho) ele voltará à cidade para realizar uma nova rodada de assessoria jurídica, em reunião agendada com a presidente Lúcia Maria Felipe. “Essa é uma das obrigações da nossa Federação e os sindicatos filiados sempre terão o nosso apoio, em todos os sentidos”, afirmou Eldbrendo Monteiro.

29/06/2016

Sindicato de Três Corações vai à Justiça pela reposição salarial de dois anos

(Três Corações – MG) – Por conta de uma defasagem salarial histórica, acentuada nos dois últimos anos, e cansado de ouvir argumentações absurdas do prefeito Claudio Cosme Pereira (PMDB), o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações, respaldado pela categoria, entrou na Justiça para garantir pelo menos a reposição das perdas inflacionárias. “Estamos reivindicando 17,8%, referente a 2015/2016. A instância judicial foi o último caminho, depois de um longo período de tentativa de diálogo, mas o prefeito disse que já fez, nos dois primeiros anos de mandato, tudo que tinha que ser feito para o funcionalismo”, relatou a presidente do Sindicato Lúcia Maria Felipe (foto)

09/12/2016

Sindicato de Três Corações faz manifestações pela regularidade do pagamento

Três corações dez.2016 5  (Três Corações – MG) – O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações já promoveu duas manifestações – e uma terceira está prevista para a próxima segunda-feira (12 de dezembro) – pela regularidade no cronograma dos pagamentos. No último 23 de novembro, na sede do Sindicato, uma Assembleia Geral Extraordinária (fotos 3 e 4) discutiu, além do atraso nos salários, a irregularidade na quitação do ticket alimentação, a tão almejada reposição salarial e a preocupação com o décimo-terceiro salário.
“Sabemos que isso está acontecendo em muitas cidades de Minas, mas temos a noção de que o servidor não é culpado pela situação e nem pode pagar por erros na administração. Já demos entrada com um Mandado de Segurança para assegurar o cumprimento da folha”, informou a presidente do Sindicato de Três Corações, Lúcia Maria Felipe.
O assessor jurídico da FESERP-MG Eldbrendo Monteiro participou da reunião, onde os presentes decidiram por tentar, junto à Câmara de Vereadores, uma emenda à Lei Orgânica do município estipulando uma multa ao gestor público que atrase os salários.
Decidido isso, os servidores foram em peso à Câmara (fotos 1 e 2), na sessão de 28 de novembro, pressionar por essa iniciativa, de encaminhamento do projeto, dos vereadores, que pediram, no entanto, prazo para que fosse formada uma comissão para estudo da legalidade da solicitação.
Nesta segunda-feira (12 de dezembro), os servidores vão voltar à Câmara, dessa vez para “pressionar” a Comissão formada para estudar o assunto a dar uma posição.
07/09/2017

Em dois dias servidores de Três Corações protestam contra descaso da Administração Municipal

Três Corações 5.9.17 1(Três Corações – MG) – Em dois dias desta semana (terça e quarta-feira, 5 e 6 de setembro), os servidores públicos municipais de Três Corações (MG) protestaram contra o descaso da Administração Municipal. E a insatisfação foi demostrada com uma paralisação das atividades no primeiro dia e passeata pelas ruas da cidade, nas duas datas. “Os servidores tem muitos motivos para estarem insatisfeitos”, avalia a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações (SINDSERP-TC), Lucia Maria Felipe, que enumera: há anos o funcionalismo não tem um ganho real, acima da inflação, em seus salários; o pagamento do ticket-alimentação não tem sido feito regularmente, servidores, principalmente aposentados, em situação de extrema pobreza, e com os seus poucos direitos sendo retirados gradativamente; não há condições ideais de trabalho, pois em muitos casos o servidor efetivo está sendo colocado em setores onde não tem como desenvolver bem a sua função, para a qual realizou o concurso público.

Para Lucia Felipe não dá mais para aceitar as “desculpas” do prefeito municipal. “Ele põe a culpa de tudo isso na ‘crise’ nacional, na situação em que se encontra o país, mas a Prefeitura está cheia de cargos comissionados e de trabalhadores contratados”.

05/06/2018

Sindicato de Três Corações repudia inverdades da Prefeitura no retorno da carga horária das oito horas

(Três Corações – MG) – O Decreto da Prefeitura de Três Corações (MG) retornando a carga horária de oito horas para os servidores públicos municipais, já a partir desta segunda-feira (4 de junho), vem causando revolta entre o funcionalismo e indignação no Sindicato dos Servidores. A entidade sindical denuncia que faltou transparência por parte da Prefeitura, que agora quer transferir responsabilidades pelo ato administrativo. “Não é verdade que o cumprimento da carga horária de oito horas foi uma demanda do Sindicato, como vem dizendo a Prefeitura. Nunca solicitamos essa extensão. Temos cópia de todos os ofícios requisitórios protocolados na Prefeitura, e em nenhum deles existe pedido de volta da carga horária. Protocolamos outros pedidos (de vale refeição/ticket alimentação e vale transporte como exemplos) e a Administração concedeu apenas a reposição inflacionária, 2,95%, voltou com a carga horária de 8 horas e agora quer jogar essa responsabilidade para o Ministério Público e o Sindicato”, afirmou a presidente do SINDSERP-TC), Lúcia Maria Felipe (foto).

A sindicalista continua: “Durante as negociações um dos argumentos do prefeito foi que, para compensar a falta de reajuste salarial devido ‘à crise nacional’, os servidores estariam trabalhando seis horas diárias e ele alegou que não teria condições de dar reajuste pois, segundo a Prefeitura, a ‘folha estava no limite’. Então foi sugerido pelo Sindicato que se reduzisse o número de contratados comissionados. A Prefeitura alegou que ‘o número de comissionados não era tanto assim’ e que se houvesse a redução pedida, ‘a carga horária teria que voltar a ser de oito horas para os servidores efetivos’. A direção do Sindicato então solicitou que a economia feita com as demissões de comissionados fosse revertida para os servidores efetivos e inativos, com o argumento de que eram os direitos dos trabalhadores, que passam por um reajuste decente, que estavam em jogo”, explicou Lucia Felipe.

A direção do SINDSERP-TC soltou uma Nota de Esclarecimento aos servidores e à população. No documento, informa ainda que, “uma vez não atendidos pela Administração os direitos da categoria, as nossas demandas se tornaram ações judiciais: recomposição salarial dos anos anteriores, ticket-alimentação e progressão salarial/triênio. Todas as ações em andamento na Comarca de Três Corações”.

O SINSSERP-TC e os servidores de Três Corações têm o apoio da FESERP-MG (Federação dos Sindicatos dos Servidores Públicos Municipais de Minas Gerais), da CSB (Central dos Sindicatos Brasileiros) e da CSPB (Confederação dos Servidores Públicos do Brasil)

15/10/2018

Atual diretoria do Sindicato dos Servidores disputa reeleição em Três Corações, nesta quarta-feira

Três Corações eleição 1(Três Corações – MG) – Respaldado pelo bom trabalho dos últimos anos, a atual diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações (SINDSERP-TC), disputa, nesta quarta-feira (17 de outubro), a reeleição na entidade. “Sempre defendemos os servidores, sejam eles ativos, aposentados ou pensionistas. Sempre prezamos pelo diálogo, tanto com eles quanto com a Administração. Conseguimos muitos benefícios e outros virão. Por tudo isso temos a consciência tranqüila para pleitear a continuidade”, diz a presidente Lúcia Maria Felipe, que encabeça a Chapa 1.  “Somos testemunhas do trabalho e da lisura da atual administração do Sindicato. Os dirigentes, a começar pela Lúcia, não só pensam nos servidores de Três Corações como estão sempre nas lutas dos trabalhadores de Minas Gerais e do Brasil, contra as reformas do Governo Federal e as perdas de direitos”, acrescentou o presidente da FESERP-MG, Cosme Nogueira. Veja abaixo as propostas e a composição da Chapa 1, denominada “União e Perseverança”.

A eleição no Sindicato de Três Corações acontece das 8h às 17h. Serão disponibilizadas para os eleitores cinco urnas: duas fixas (na sede do Sindicato e na Prefeitura) e três itinerantes.

17/10/2018

Atual diretoria é reeleita em Três Corações

Três corações 17.10.18 2 011Três corações 17.10.18 2 015Três Corações 17.10.18 final 023

(Três Corações – MG) – Sob o emblemático lema da “União e da Perseverança”, a atual diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações (SINDSERP-TC ) foi reeleita para um novo mandato, de cinco anos , em eleições realizadas nesta quarta-feira (17 de outubro). A Chapa 1 recebeu 145 votos, contra 75 dados à Chapa 2 – foram registrados ainda dois votos em branco e 17 nulos. “Agradeço aos servidores pela confiança e agora é hora da união. Vamos seguir nosso trabalho com honestidade, clareza e transparência”, afirmou a presidente reeleita, Lúcia Maria Felipe. “O resultado fez justiça e é fundamental essa vitória nesse momento dramático em que vivemos. Tenho certeza que Três Corações estará na trincheira das lutas, pelos servidores de Minas e os trabalhadores do país”, disse o presidente da FESERP-MG, Cosme Nogueira.

A FESERP-MG se fez presente na cidade, desde terça-feira (16 de outubro), com um time de apoiadores da Chapa 1, além de Cosme Nogueira: o assessor jurídico da Federação Eldbrendo Pereira; os presidentes dos sindicatos dos servidores públicos municipais de Ijaci (Adrianne Alvarenga, acompanhada da diretora Miriam Cassiana de Souza), Varginha (Airton Ribeiro, acompanhado do vice Claudio Borges do Espírito Santo e da funcionária do Sindicato Michele Ávila), Cruzília (Luiz Claudio Ferreira Maciel), Lavras (Euisles “Willian” Rodrigues), Nepomuceno (Eliezer José da Costa)  e Cambuquira (Claudia Helena Soares), os vice-presidentes dos sindicatos de Juiz de Fora (Ivan Expedito Catarina, acompanhado do diretor Agnaldo Jailson de Almeida) e as diretoras do Sindicato de Nova Serrana (Gelcira Vieira Cordeiro e Jéssica Antônio Teodoro).

Na campanha, a Chapa 1 primou pela transparência tanto ao fazer uma retrospectiva quanto aos planos futuros, passando pelas conquistas e o momento atual do Sindicato. Em novembro de 2013, quando a diretoria agora reeleita assumiu, havia uma dívida de R$ 150 mil (referente a pendências com a Receita Federal, INSS, prestadores de serviços entre outras rúblicas) e tudo foi sanado. Paralelamente foi construído um salão na parte superior da sede do Sindicato e regressaram os atendimentos jurídicos e médicos. No campo das conquistas, citando apenas as recentes, destacam-se a reposição salarial dos anos de 2014,15 e 2016, somando 17,08%, e mais 2,97% de 2017.   “Vamos continuar construindo um futuro de conquistas”, anunciou Lúcia Maria Felipe.

O processo eleitoral em Três Corações foi realizado com cinco urnas, duas fixas (uma na sede do Sindicato e outra na Prefeitura) e três itinerantes. Durou das 8h às 17h, com apuração em seguida.

Oe eleitos

Presidente: Lúcia Maria Felipe

Vice-presidente: Marco Aurélio de Morais

Primeira Secretária: Cristina Maria Ferreira Gonçalves

Segundo Secretário: Silas Josué dos Santos

Primeiro Tesoureiro: Edward Araújo

Segundo Tesoureiro: Edson Antônio Silva

Suplentes da Executiva: Mauro Cézar de Souza, Simone Aparecida da Silva, Nilcéa de Oliveira, Patrícia Maria Borges Batista, Adilson Donizete Ribeiro e José Vitor de Souza.

Conselho Fiscal: Vitor Tavares, Homero Inácio de Souza, Sérgio Luiz Pompeu (efetivos),  Izabel Ferreira Oliveira, Vlamir de Oliveira Silva e Cláudia Regina Silva Auad dos Santos (suplentes).

 

07/12/2018

Sindicato de Três Corações distribui cestas natalinas para os servidores

(Três Corações – MG) – Como vem acontecendo nos últimos anos, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações (SINDSERP-TC) vai contemplar todos os 480 sócios ativos e aposentados com uma cesta natalina. O agrado, merecido, aos trabalhadores já está disponível na sede do Sindicato e pode ser retirado até o dia 18 de dezembro, das 8h às 17h. Aposentados que tenham algum tipo de dificuldade para ir até o local serão atendidos de forma especial, com a possibilidade da entrega da cesta na casa do servidor.

três Corações - cesta

28/01/2019

Sindicato de Três Corações pede apoio à Câmara em projeto de reajuste salarial para os servidores

(Três Corações – MG) – Diretores do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Três Corações (SINDSERP-TC) se reuniram, na sexta-feira (25 de janeiro), com representantes da Câmara Municipal para pedir apoio ao projeto de recomposição salarial dos servidores ativos, aposentados e pensionistas, que deverá dar entrada na Câmara após o recesso dos vereadores, no dia 4 de fevereiro. O projeto em questão prevê 30% de reajuste salarial, dividido da seguinte forma: 5% agora em janeiro, 10% em julho de 2019, 5% em janeiro de 2020 e 10% em abril de 2020. “Esse índice se refere às recomposições devidas desde 2014”, disse a presidente do SINDSERP-TC, Lúcia Maria Felipe. “Vamos analisar o projeto junto com os demais vereadores e dar total apoio em qualquer assunto que beneficie os servidores públicos”, disseram os representantes do Legislativo.

Participaram da reunião (na foto) os vereadores Helder da Fonseca Reis (presidente da Câmara) e Weber Eugênio de Souza e, pelo Sindicato, Lúcia Maria Felipe e os diretores Marco Aurélio de Morais, Edward Araújo e Homero Inácio de Souza – além do assessor jurídico Cláudio Apolônio Damas.

Três Corações 28.1.19

Conheça as vantagens de ser um afiliado. Junte-se a nós e aproveite.