Bem vindo ao site da FESERP MG

E-mail:

feserpjf@gmail.com

Visite-nos:

Rua Dona Mariana Evangelista 37/102, Poço Rico, JF/MG CEP: 36010-430

Filiados

Crisólita


02/12/2014

Reeleição em Crisólita

(Crisólita – MG) – O sindicalista Evaildo Caldeira Campos foi reeleito, com 100% dos votos apurados, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita (SINSEPUC), para um mandato de dois anos. A FESERP-MG esteve representada no processo pelos companheiros do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Teófilo Otoni (SINDISETO), Maria Elizabeth Sena Duarte, Aloisa de Oliveira Esteves, José Antônio Esteves Guedes e Mafran Colares Godinho (na foto, da esquerda para a direita – Evaildo Caldeira é o de branco)

16/09/2015

Sindicato de Crisólita recorre ao Ministério Público para efetivar concursados de 2014

(Crisólita – MG) – O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita recorreu à Justiça, por providências em relação a um concurso público realizado em 2014 no município. O ofício foi encaminhado, nesta quarta-feira (16 de setembro), a Reinaldo Pinto Lara, promotor de Justiça da Comarca de Águas Formosas – cidade vizinha a Crisólita. “Estamos sendo procurados por várias pessoas aprovadas naquele concurso e que ainda não foram convocadas para tomar posse. E a verdade é que a prefeita Mabelle Martin Dourado Pereira vem contratando diversas pessoas sem critério algum, além de promover desvios de função de servidor efetivo, em diversos setores da administração (motorista, vigia, operário, serviços gerais, entre outros)”, disse o presidente do Sindicato, Evaildo Caldeira Santos (foto). “E o Edital do Concurso é bem claro: as contratações quando necessárias deverão seguir a classificação obtida no concurso”, completou o sindicalista. Ele ainda informou que já procurou a prefeita para tratar da questão. “Mas não foi possível, ela não quer diálogo. Só nos restou a alternativa de recorrer ao Ministério Público”, afirma Evaildo Santos

15/12/2015

Servidores de Crisólita conseguem progressão horizontal retroativo a janeiro

(Crisólita – MG) – Graças à persistência e a luta do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita, os trabalhadores na área de Educação do município passam a fazer jus à progressão horizontal – direito retroativo a janeiro. Na prática, esses servidores terão, então, o adicional de qüinqüênio. “O acordo já foi assinado entre o Sindicato e a prefeita Mabele Martins. Isso representa uma grande vitória”, informou o presidente do Sindicato de Crisólita, Evaildo Caldeira Santos (foto).

27/01/2016

Crisólita prepara greve em protesto contra o não pagamento de direitos

(Crisólita – MG) – O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita, em conjunto com os servidores, prepara a deflagração de uma greve geral, em protesto pela falta de dois direitos básicos dos trabalhadores: o biênio e o qüinqüênio (que o funcionário faz junto a cada, respectivamente, dois e cinco anos de trabalho). “Desde o ano passado que a categoria está revoltada com esse desrespeito. Tentamos negociar com a administração municipal, mas não conseguimos resultados positivos, pois isso vamos parar”, avisou o presidente do Sindicato Evaildo Caldeira Santos (foto). A data do início da paralisação ainda não foi decidida, mas deve ser nos primeiros dias de fevereiro.

15/03/2016

Crisólita faz assembleia em duas partes esta semana

(Crisólita – MG) – O Sindicato dos servidores públicos Municipais de Crisólita resolveu fazer duas assembleias esta semana. Nesta terça-feira (15 de março) em Crisólita e nesta quarta-feira (16 de março) em Santa Luzia.  O tema dos encontros, ambos às 18h, é obviamente o mesmo: o não pagamento de direitos básicos, como biênio e quinquênio, reivindicado há muito tempo. “Parte do funcionalismo trabalha em Crisólita e outra no distrito, por isso a decisão de fazer duas assembleias, para que o servidor de Santa Luzia não tenha que se deslocar”, explicou o presidente do Sindicato Evaildo Caldeira Santos (foto). Segundo ele, é bem provável que saia, dessas reuniões, uma data para paralisação das atividades. “Desde o ano passado estão todos revoltados com esse desrespeito”, diz.

10/11/2016

Presidente do Sindicato de Crisólita faz o sucessor

Crisólita eleição 2016

 

(Crisólita – MG) – O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita, Evaildo Caldeira Santos, coroou suas duas gestões à frente da entidade ao eleger seu sucessor nas eleições realizadas nesta quinta-feira (10 de novembro). O novo presidente é Dirceu Silveira Tolentino Júnior. A Chapa, única, recebeu todos os votos dos filiados que compareceram às urnas. “Estamos satisfeitos porque o nosso trabalho foi reconhecido por 92% dos filiados que vieram votar. Quero agradecer a FESERP-MG, que é uma mãe para nós, e também os sindicatos vizinhos de Águas Formosas e Teófilo Otoni, com representantes presentes no processo eleitoral: Romário Pereira da Silva e Adriana Lima”, disse Evaildo Caldeira Santos.

Os eleitos:
Presidente – Dirceu Silveira Tolentino Júnior
Vice-presidente – Everton Machado
Primeiro tesoureiro – Diogo Barreto Alves
Segunda tesoureira – Gizelia Rodrigues Soares Neres
Primeira secretária – Maria Leia de Jesus
Segundo secretário – Ramon Dias da Silva
Conselho Fiscal: Kosme William de Oliveira Moura, Vilmar Coelho Soares e José Batista de Almeida Santos (efetivos) Wedeson Francisco Prates, Thiago Pinheiro dos Santos e Maurina Pereira Lima (suplentes).

Na foto, da esquerda para a direita, Evaildo Santos, Dirceu Tolentino Júnior e Romário Silva

24/08/2018

Servidores da Educação de Crisólita entram em greve nesta segunda-feira, até o pagamento dos salários

Crisólita 24.8.18

(Crisólita – MG) – Os servidores da Educação, rede municipal, de Crisólita decidiram entrar em greve a partir desta segunda-feira (27 de agosto) e até o pagamento integral dos salários – eles só receberam até agora metade dos proventos de julho. A decisão foi tomada em assembleia convocada pelo Sindicato dos Servidores Públicos de Crisólita (SINSEPUC) e realizada na noite de quarta-feira (22 de agosto). “A categoria espera até esta sexta-feira (24 de agosto) senão a paralisação ocorrerá, mas independente disso os educadores estão em permanente estado de greve e toda vez que o pagamento não for realizado de forma integral até o dia 10 do mês subsequente eles cruzarão os braços”, explicou o presidente do SINSEPUC, Dilceu Silveira Tolentino Silveira Júnior, sintetizando o que foi definido na Assembleia.

A Administração Municipal de Crisólita já foi comunicada da decisão da categoria e alega, para a irregularidade no pagamento dos salários, a falta de repasses do Governo Estadual e Federal, principalmente a verba do FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica).

30/08/2018

Prefeitura paga e servidores de Crisólita voltam ao trabalho nesta sexta-feira, após quatro dias de greve

(Crisólita – MG) – Valeu a luta dos servidores da Educação, rede municipal, de Crisólita. Após quatro dias de greve, eles conseguiram que a Prefeitura quitasse, nesta quinta-feira (30 de agosto), os 50% restantes do salário de julho. Com isso, os trabalhadores voltam às suas atividades normais nesta sexta-feira (31 de agosto). “Só temos a agradecer a todos os servidores, que se mantiveram firmes em busca do que é um direito sagrado da categoria. E parabenizamos todos aqueles que não se acovardaram diante do desafio e fizeram o nosso movimento ser vitorioso”, comemorou o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Civis do Município de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Junior (foto).

A vitória, justa, no entanto, não esmorece os ânimos. “Continuamos alertas para acompanhar os desdobramentos no próximo mês, com relação ao pagamento de agosto”, afirmou Dilceu Tolentino Junior. Na assembleia que definiu pela greve, iniciada na última segunda-feira (27 de agosto), foi decidido também que “toda vez que o pagamento não for realizado de forma integral até o dia 10 do mês subsequente os educadores cruzarão os braços”.

A Administração Municipal de Crisólita alega que a irregularidade no pagamento dos salários se deve à falta de repasses do Governo Estadual e Federal. Porém, o SINSEPUC espera, conforme ofício enviado ao prefeito nesta quinta-feira (30 de agosto), que “a Administração Municipal possa conduzir bem a previsão e provisão financeiro-contábil de maneira eficiente, para que a cidade não volte a experimentar os contratempos de um movimento de greve”.

06/09/2018

Sindicato de Crisólita cobra da Prefeitura pendências relativas ao décimo-terceiro salário de 2017

Dilceu Crisólita

(Crisólita – MG) – Mal terminada uma vitoriosa greve, pela regularidade no pagamento, os servidores de Crisólita já tem uma outra luta pela frente: resolver pendências relativas ao décimo-terceiro salário de 2017. Na última terça-feira (4 de setembro) o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Júnior (foto), enviou ao prefeito Aderlande Moreira Vilela (PTB) um ofício com essa demanda, exigindo uma posição da Administração Municipal. “Há uma diferença no pagamento do décimo-terceiro do ano passado, relativa à dedução indevida de vantagens dos servidores como anuênio, biênio, insalubridade, adicional noturno e adicionais de mudanças de nível dos profissionais da Educação. Esse desconto tem que ser devolvido”, explica o presidente do SINSEPUC.

O Sindicato quer a resposta da Prefeitura até terça-feira (10 de setembro), para comunicar à categoria em uma Assembleia que deve ser marcada para a semana que vem. Dilceu Silveira Júnior informa que há um clima de insatisfação muito grande entre os servidores, que procuram a diretoria do SINSEPUC para cobrança dos direitos. “Não dá mais para esperar. O assunto está se arrastando mais do que devia, pois em 14 de maio – ou seja, há quase quatro meses – o procurador geral do município, Tarcísio Gonçalves Santos, prometeu uma solução sobre o tema”, diz o sindicalista, que não descarta uma greve para pressionar por uma saída satisfatória a favor dos trabalhadores.

13/09/2018

Educadores de Crisólita entram no terceiro dia de greve; demais servidores decidem hoje adesão ao movimento

crisólita 13.9.18crisolita 13.9.18 2

 

(Crisólita – MG) – Os trabalhadores da rede municipal de ensino de Crisólita entram, nesta quinta-feira (13 de setembro), no terceiro dia de paralisação, por conta de um novo atraso no pagamento dos salários. E ainda nesta quinta-feira, os demais servidores decidem, em Assembleia Extraordinária às 16h, se aderem ao movimento – também por um outro motivo: pendência no pagamento do décimo-terceiro salário de 2017, que está atingindo toda a categoria.

“Hoje (quinta-feira) as escolas estão sem alunos e sem professores (foto 1) e algumas fechadas (foto 2), e a informação que temos e que só foi quitada uma parcela, 34%, dos salários do pessoal da Educação”, informou o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Civis do Município de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Junior. “Na Assembleia os servidores dos outros setores vão querer abordar a falta de pagamento também da diferença do décimo-terceiro salário de 2017. A tendência é esse assunto seja atrelado na proposta de greve”, completou o sindicalista.

A greve dos educadores, iniciada na terça-feira (11 de setembro) foi decidida, na verdade, em assembleia realizada no último dia 22 de agosto, quando os trabalhadores decidiram que “toda vez que o pagamento não for realizado de forma integral até o dia 10 do mês subsequente cruzarão os braços”. Foi esse, inclusive, o motivo da paralisação de quatro dias no final de agosto.

Já a pendência do décimo-terceiro salário tem origem na forma de pagamento do benefício, já que houve uma dedução indevida de vantagens dos servidores como anuênio, biênio, insalubridade, adicional noturno e adicionais de mudanças de nível dos profissionais da Educação. Esse desconto teria que ser devolvido aos trabalhadores pela Prefeitura – e desde maio o SINSEPUC cobra essa medida.

21/09/2018

Educadores de Crisólita voltam ao trabalho na segunda-feira, mas em “estado de greve”

crisolita 20,.9.18

(Crisólita – MG) – A Prefeitura de Crisólita creditou o pagamento integral dos salários e os trabalhadores da rede municipal de ensino, que estavam em greve desde o último 13 de setembro, voltam às escolas na segunda-feira (24 de setembro). Porém, em “estado de greve”. Isso foi decidido em assembleia (foto) realizada na noite desta quinta-feira (20 de setembro) – ratificando, portanto, a ata de outra assembleia, de 22 de agosto, quando os trabalhadores decidiram que “toda vez que o pagamento não for realizado de forma integral até o dia 10 do mês subsequente ele cruzarão os braços”.

Na assembleia desta quinta-feira ficou claro também que todos os servidores de Crisólita, de todos os setores, farão uma greve geral em duas situações: se não forem regularizadas, até o dia 10 de outubro, as pendências relativas ao décimo-terceiro salário de 2017 e se o décimo-terceiro salário de 2018 não for pago integralmente até o dia 20 de dezembro.

“Desde maio o Sindicato vem cobrando a resolução dessas pendências (do décimo-terceiro de 2017), pois no pagamento do benefício houve uma dedução indevida de vantagens dos servidores como anuênio, biênio, insalubridade, adicional noturno e adicionais de mudanças de nível dos profissionais da Educação – e esse desconto tem que ser devolvido aos trabalhadores pela Prefeitura”, explicou o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Civis do Município de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Junior. “E na assembleia de ontem, que foi bastante representativa, os trabalhadores resolveram que não querem surpresas negativas em relação ao décimo-terceiro deste ano”, completou o sindicalista.

03/10/2018

Sindicato de Crisólita fecha acordo com Prefeitura sobre pendências do décimo-terceiro salário

(Crisólita – MG) – Após a concordância do funcionalismo, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita (SINSEPUC) fechou um acordo com a Prefeitura para o pagamento de débitos da Administração Municipal com os trabalhadores, relativos ao décimo-terceiro salário de 2017. Ao mesmo tempo ficou garantido o pagamento integral do décimo-terceiro salário deste ano até o dia 20 de dezembro. Os dois temas, além da irregularidade na quitação dos salários mensais, foram motivos da greve de 11 dias em setembro. “Pelo documento, assinado pelo procurador-geral do município Tarcísio Gonçalves Santos, o pagamento (das vantagens devidas) pode ser antecipado, caso haja disponibilidade de recursos, mas é certo que acontecerá em janeiro”, explicou o presidente do SINSEPUC, Dilceu Silveira Tolentino Júnior (foto).

Em 2017 alguns servidores ficaram prejudicados, pois no pagamento do benefício natalino houve uma dedução indevida de vantagens dos servidores como anuênio, biênio, insalubridade, adicional noturno e adicionais de mudanças de nível dos profissionais da Educação.

29/10/2018

Professores de Crisólita em “Operação Tartaruga”, até o pagamento integral dos salários de setembro

 (Crisólita – MG) – Os professores da rede municipal de ensino de Crisólita iniciaram, nesta segunda-feira (29 de outubro) uma “operação tartaruga”, diminuindo o ritmo de trabalho, até que o salário integral de setembro seja pago – até agora eles só receberam 30% do devido. As aulas irão das 7h às 9h30 e das 12h30 às 15h. “Essa paralisação parcial foi decidida em assembleia na última terça-feira (23 de outubro), comunicada aos pais dos alunos e é um aviso à Administração Municipal, que vem submetendo os servidores a uma situação constrangedora”, afirmou o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Junior.

06/11/2018

De “Operação Tartaruga”, professores de Crisólita passam para paralisação total, nesta quarta-feira

(Crisólita – MG) – Em “Operação Tartaruga”, desde o dia 29 de outubro, os professores da rede municipal de ensino de Crisólita passam a uma nova fase de protestos contra a irregularidade no pagamento nesta quarta-feira (7 de novembro): uma paralisação total das atividades. O movimento terá seu auge às 10h, quando os educadores farão uma passeata, até a Prefeitura Municipal. “Será uma mobilização pacífica e ordeira, mas firme na busca de nossa valorização e dignidade profissional”, antecipou o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Junior (foto).

Com a “operação tartaruga”, as aulas só foram dadas das 7h às 9h30 e das 12h30 às 15h.  Até então os servidores receberam apenas 30% dos salários de setembro.

Dilceu Crisólita

07/11/2018

Professores de Crisólita exigem salários em dia

(Crisólita – MG) – Com faixas alertando que “salário é para atender necessidades básicas e tem que ser pago em dia” e “Não queremos parar! Mas sem salário não dá”, os professores da rede municipal de ensino de Crisólita, em “operação tartaruga” desde o dia 29 de outubro, fizeram uma grande manifestação de protesto, na manhã desta quarta-feira (7 de novembro). Eles exigiram o pagamento imediato dos salários que estão atrasados desde setembro – mês em que receberam apenas 30% do total. Durante todo o dia eles se mantiveram de braços cruzados.

“Parabéns a todos os servidores da Educação e também aos profissionais do transporte escolar, que se engajaram no movimento reivindicatório. É uma luta também pela valorização e pela dignidade profissional e humana de toda a classe”, agradeceu o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Junior.

crisólita 6.11.18 1crisólita 6.11.18 5crisólita 6.11.18 4 crisólita 6.11.18 3 crisólita 6.11.18 2

 

12/11/2018

Eleições no Sindicato dos Servidores de Crisólita, neta terça-feira

(Crisólita – MG) – Serão realizadas nesta terça-feira (13 de novembro) as eleições no Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita (SINSEPUC). Duas Chapas disputam a direção da entidade, e o atual presidente Dilceu Silveira Tolentino Júnior concorre à reeleição, pela Chapa 2 – e o outro grupo é liderado por Vinicius Rodrigues Amorim.

O processo eleitoral vai das 7h às 17h, com duas urnas. Uma na sedo do SINSEPUC (Rua José Quaresma da Costa, 61, Centro) e outra no salão paroquial da igreja do Distrito de Nova Santa Luzia. Podem votar todos aqueles filiados o Sindicato há pelo menos seis meses.

13/11/2018

Diretoria reeleita em Crisólita

(Crisólita – MG) –  O atual presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crisólita (SINSEPUC), Dilceu Silveira Tolentino Júnior , foi reeleito, em eleições realizadas nesta terça-feira (13 de novembro). A sua Chapa, a 2, recebeu 68 votos contra 54 dados à Chapa 1, que era encabeçada por Vinicius Rodrigues Amorim. O novo mandato é de dois anos, biênio 2019/2020.

Os eleitos:

Presidente – Dilceu Silveira Tolentino Júnior

Vice-presidente – Geilson Andrade Ribeiro Dias

Primeiro tesoureiro – Diogo Barreto Alves

Segunda tesoureira –  Gizélia Rodrigues Soares Neres

Primeira secretária – Sirley Pereira da Silva

Segundo secretário – Ramon Dias da Silva

Conselho Fiscal: Kosme Willian de Oliveira Moura, Carla Meireles de Oliveira, Rogério Ferraz da Rocha (efetivos), Jânio Batista Nascimento, Davi Viana da Silva e Leila Ferreira Albertino (suplentes)

Na foto principal, Dilceu Silveira está à esquerda, ao lado dos membros da Comissão Eleitoral Lurdes Muniz, Evaildo Caldeira e Maria  Lúcia; na outra foto, ao lado do “oponente” Vinicius Rodrigues.

crisólita 13.11.18 1 crisólita 13.11.18 2

 

 

 

 

Conheça as vantagens de ser um afiliado. Junte-se a nós e aproveite.