Bem vindo ao site da FESERP Minas

E-mail:

feserpjf@gmail.com

Visite-nos:

Rua São Sebastião, 780, Centro, Juiz de Fora/MG CEP: 36.015-410

Notícias

Sinserpu-JF e Prefeitura discutem reformulações na Empav e garantias das vagas de trabalho

Uma reunião entre SINSERPU-JF e Administração Municipal, realizada na tarde de hoje (4/06), definiu ajustes ao Projeto de Lei 4404 , do Executivo, já enviado à Câmara.

O projeto prevê reformulações na prestação de serviços da Empav. A empresa cuidará apenas da pavimentação da cidade e os demais setores passarão a ser administrados por outros órgãos da PJF. A matéria propõe transferência dos setores Parques e Jardins e Poda de Árvores da Empav para o Demlurb e oficializa a transferência dos setores também da Empav, Fábrica de Manilhas e Obras para a Secretaria de Obras.

Na reunião ficou acertada a inclusão da garantia dos postos de trabalho dos funcionários da Empav, dos setores que estão sendo remanejados. O presidente do SINSERPU-JF, Francisco Carlos da Silva, o Chiquinho, considerou o encontro produtivo, uma vez que a Administração se comprometeu a atender a reivindicação do sindicato.

A secretaria de Administração, Andréa Goreski e o secretário da Fazenda, Fúlvio Albertoni, assumiram que será redigido um novo texto incluindo a garantia do vínculo empregatício dos trabalhadores,
além de uma cláusula que estabelece que o sindicato organizará uma eleição entre funcionários da Empav para escolher o representante da categoria no Conselho de Administração. Será criado um artigo nessa cláusula, estipulando que o sindicato será o coordenador do processo eleitoral interno, que acontecerá sempre dentro de um prazo a ser estabelecido.

Participaram também da reunião com a PJF, a advogada Elisângela Márcia do Nascimento, o vice-presidente do sindicato Cosme Nogueira e o sub-secretário de Administração, Alexei Von Randow Xavier.

Ponto de vista

O diretor financeiro do sindicato e funcionário da Empav, Vanilson Gomes de Oliveira, avalia que a intenção da Administração com essas mudanças é diminuir os gastos públicos. Segundo ele, o setor de Parques e Jardins tem uma especialidade que é o cuidado com o paisagismo e revitalização das praças e logradouros públicos. “Contamos com funcionários capacitados para essa finalidade, mas a PJF demonstra que não está observando essa expertise”, diz Vanilson,

O diretor comenta que, atualmente, o setor tem sido limitado à limpeza e à conservação das praças, mas a decisão de reduzir o serviço de Parques e Jardins à atividades restritas está relacionada ao objetivo político da gestão. “ É uma pena, porque desperdiçam mão de obra capacitada e no futuro se quiserem retomar o projeto mais especializado ficará difícil. Acho a decisão do município bem prematura. Se a questão é reduzir gastos, há outras formas, como incentivo ao Plano de Desligamento Voluntário, (PDV), por exemplo “, lamenta o diretor do sindicato.

Conheça as vantagens de ser um afiliado. Junte-se a nós e aproveite.