Bem vindo ao site da FESERP Minas

E-mail:

feserpjf@gmail.com

Visite-nos:

Rua São Sebastião, 780, Centro, Juiz de Fora/MG CEP: 36.015-410

Notícias

Breve Retrospectiva de 2018 XI – Novembro: Em busca de direitos “esquecidos“ pelas prefeituras

O mês começou com a FESERP-MG repudiando uma Nota das associações dos municípios da Área Mineira da SUDENE (AMAMS) e da Bacia do Médio São Francisco (AMMESF), que tentava criminalizar o movimento sindical.

Em Crisólita, mais uma greve, desde o dia 7, dos professores da rede municipal de ensino (foto 1), que só queriam o pagamento em dia. Todas as ações do semestre foram coordenadas pelo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINSEPUC) Dilceu Silveira Tolentino Júnior – e os trabalhadores reconheceram esse trabalho o reelegendo, no dia 13, para mais um biênio à frente da entidade (na foto 2, Dilceu Silveira está à esquerda, ao lado dos membros da Comissão Eleitoral Lurdes Muniz, Evaildo Caldeira e Maria  Lúcia)

Reeleição também em Patos de Minas, com o presidente Paulo Augusto Correa vencendo outras duas chapas em pleito realizado no dia 19 – na foto 3, o eleito (centro) com Wender Batista Carvalho, funcionário do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público (SINTRASP) e Cosme Nogueira, durante visita do presidente da FESERP-MG a Patos de Minas, no dia 29.

Em Carmo do Rio Claro, as reivindicações eram de pagamento de horas extras, tanto do exercício atual quanto as acumuladas de um período de quatro anos, e o pagamento retroativo do adicional de insalubridade de uma parcela da categoria – na foto 4, os presidentes da FESERP-MG, Cosme Nogueira, e do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Carmo do Rio Claro (SINDISCARMO), José Vicente da Silva, no dia 7.

Em Teófilo Otoni, os servidores da Prefeitura que tem direito ao adicional de insalubridade e estão sendo prejudicados (já que a Administração Municipal está pagando o abono sobre R$ 474 e não, como é o correto, sobre o menor salário do município, que é o salário mínimo, R$954) foram apoiados pelo Sindicato (SINDISETO), que promoveu uma assembleia sobre o assunto no dia 6 (foto 5)

Em São Sebastião do Paraíso, com a presença do presidente da FESERP-MG, Cosme Nogueira, a diretoria reeleita do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SEMPRE-SUDOESTE), presidente Rildo Domingos à frente, tomou posse no dia 7 (foto 6).  No mesmo dia da posse, a nova diretoria já participava de uma ampla reunião (foto 7), na Prefeitura, para discutir a situação financeira do município. No dia 23, outra reunião (foto 8), na Secretaria Municipal de Educação, tratou de assuntos de interesses dos servidores do setor.

Nos dias 9 e 12, os educadores de Jesuânia (foto 9) e os servidores de São Lourenço (foto 10) – ambas as cidades da base do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Lourenço (SINDPUB) – fizeram paralisações de advertência, contra os atrasos nos pagamentos dos salários.

Em Juiz de Fora, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINSERPU-JF) proporcionou aos trabalhadores palestras (fotos 11 e 12) de prevenção contra os cânceres de mama e de próstata, dentro dos períodos conhecidos como “Outubro Rosa” e “Novembro Azul”.  Além das palestras (a cargo de especialistas nos assuntos), foi dada aos servidores a possibilidade de marcação de consultas, através de uma parceria entre o Sindicato e o HPS (Hospital de Pronto-Socorro municipal de Juiz de Fora).

Em Pirapora, a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINDIPIRA), Ernaldina “Dina” Sousa Silva Rodrigues (foto 13), participou, no dia 26, de uma reunião da Comissão Especial de Inquérito da Câmara Municipal de Pirapora, que tratou de possíveis irregularidades nos repasses financeiros do Executivo Municipal ao IPSEMP- o Instituto Previdência dos Servidores Municipais.

No dia 28, os sindicatos de Uberaba (dos sindicatos dos Servidores Públicos Municipais/SSPMU), dos Educadores Municipais/SINDEMU e dos Trabalhadores da Indústria de Purificação e Distribuição de Água e dos Serviços de Esgoto/SINDAE) apresentaram a contraproposta dos trabalhadores acerca do impasse criado em torno do IPSERV, o Instituto de Previdência dos servidores. A sugestão surgiu depois de uma palestra do professor Luiz Cláudio Kogut, especialista no assunto, e assistida pelo presidente da FESERP-MG, Cosme Nogueira – na foto 14, da esquerda para a direita: Jasminor Francisco da Costa (presidente do SINDAE), Luís Carlos dos Santos (presidente do SSPMU), Luiz Claudio Kogut, Cosme Nogueira e Bruno Ferreira da Silva (presidente do SINDEMU).

Em Uberlândia, no dia 28 (foto 15), o presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (SINTRASP), Ronaldo Fernandes Branco, comunicou ao presidente da FESERP-MG, Cosme Nogueira, uma série de ações sindicais para combater o cerceamento dos direitos dos trabalhadores da cidade, como, por exemplo, reuniões da Comissão Permanente de Negociação com a Câmara de Uberlândia – realizada no dia 28.

Em Patrocínio, essa resistência, na visão do presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (SINTRASPPA) Fausto Silva Pereira, passa pelo fortalecimento de duas áreas primordiais: política e jurídica – na foto 16, o presidente da FESERP-MG, Cosme Nogueira, e Fausto Pereira, no dia 29.

Em Juiz de Fora, em Assembleia realizada no dia 29 (foto 17), os servidores aprovaram a construção da pauta de reivindicações, Campanha Salarial 2019, com, entre outras reivindicações, o pedido de um reajuste de 5% (ganho real) além do IPCA do período. Na ocasião, os trabalhadores também deixaram claro que não aceitariam ficar sem o décimo-terceiro salário este ano – já planejando a paralisação de dezembro.

Em Carmo do Paranaíba, a expectativa, em novembro, era pela construção da sede própria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINDICAP), após a cessão, pela Prefeitura, do lote para a empreitada. Na foto 18, no terreno, no dia 30, os presidentes do SINDICAP, Elizandro da Silva, e da FESERP-MG, Cosme Nogueira, ao lado do servidor da Prefeitura e filiado ao Sindicato Elder Ferreira Guimarães.

retrospectiva novembro 2018 Crisólitaretrospectiva novembro 2018 Crisólita 2retrospectiva novembro Patos de Minasretrospectiva novembro 2018 Carmoretrospectiva novembro 2018 Teófiloretrospectiva novembro 2018 SS Paraisoretrospectiva novembro 2018 SS Paraiso 2retrospectiva novembro 2018 SS Paraiso 3retrospectiva novembro 2018 Jesuâniaretrospectiva novembro 2018 São Lourençoretrospectiva novembro 2018 Juiz de Foraretrospectiva novembro 2018 Juiz de Fora 2retrospectiva novembro 2018 Piraporaretrospectiva novembro Uberabaretrospectiva novembro Uberlândiaretrospectiva novembro 2018 Patrocinioretrospectiva novembro 2018 Juiz de Fora 3retrospectiva novembro Carmo Paranaíba

Conheça as vantagens de ser um afiliado. Junte-se a nós e aproveite.