Bem vindo ao site da FESERP Minas

E-mail:

feserpjf@gmail.com

Visite-nos:

Rua São Sebastião, 780, Centro, Juiz de Fora/MG CEP: 36.015-410

Notícias

Servidores de Pirapora começam greve geral na segunda-feira

(Pirapora – MG) – Em assembleia realizada na noite desta quarta-feira (14 de março), os servidores públicos municipais de Pirapora decidiram entrar em greve, a partir das 7h de segunda-feira (19 de março) e por tempo indeterminado. O principal motivo da paralisação é o descumprimento, por parte da Prefeitura, do acordo firmado referente ao atendimento das legítimas reivindicações apresentadas. “Ao enviar o Projeto de Lei 047 para a Câmara Municipal, a prefeita Marcela Machado Ribas Fonseca (PSD) descumpriu o acordo que fez com a categoria. O negociado foi ouvir os servidores para, depois, enviar a proposta de reforma para apreciação do Legislativo Municipal. O projeto em discussão não foi discutido com os servidores. Boa parte das reivindicações dos servidores depende de projetos de leis, consequentemente, dependem da aprovação da Câmara Municipal. São elas: pagamento do Piso Salarial Nacional aos profissionais da Educação, regulamentação de 1/3 da jornada de atividades extraclasse, regulamentação da Lei 13.022 que trata do Estatuto da Guarda Municipal, pagamento de 100% de salário para o servidor afastado por motivo de doença, regularização da situação previdenciária dos agentes de saúde e pagamento da gratificação aos agentes de saúde que exercem função de supervisor de turma. A reforma da Lei 1.782 (Estatuto do Servidor) e dos Planos de Carreiras dos Servidores (Leis 2258, 2259, 2260, 2196) é essencial para garantir os direitos dos servidores municipais”, explicou a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Pirapora (SINDIPIRA), Ernaldina “Dina” Sousa Silva Rodrigues.

Na manhã desta quinta-feira (15 de março), a diretoria do SINDIPIRA emitiu um “Comunicado à População” de Pirapora, explicando os motivos da greve e se colocando à disposição para reiniciar o diálogo, desde que a Administração Municipal cumpra o acordo firmado no dia 24 de janeiro. E também um extenso e bem elaborado comunicado interno, aos servidores, sobre a importância da participação e da união nesse momento. “Já conquistamos um acordo com a Prefeitura Municipal. Agora é fazer cumprir. A categoria vai exigir respeito, diálogo e coerência do governo”, diz trechos do texto, que lista e  explica todas as reivindicações.

Greve

Conheça as vantagens de ser um afiliado. Junte-se a nós e aproveite.